Governador e sua equipe cumprem agenda de trabalho em Londrina

O governador Carlos Massa Ratinho Junior assina ato que instala o Governo na ExpoLondrina.

O governador Carlos Massa Ratinho Júnior assinou o decreto que transfere a sede do Executivo Estadual para Londrina. A solenidade ocorreu na quarta (10) na Sociedade Rural do Paraná, durante a 59a ExpoLondrina, um dos maiores eventos do agronegócio do Brasil.

Na cerimônia, o governador também assinou o decreto que prorroga por um ano a redução da cobrança do ICMS – de 12% para 7% – na comercialização de peixes para cinco estados. Foi o primeiro ato oficial em Londrina. “Todos  os secretários e a equipe de governo estão em Londrina para discutir, debater e anunciar benfeitorias para a cidade. É uma agenda de trabalho inovadora e que leva o governo para próximo das pessoas e fortalece ainda mais os municípios do interior”, disse ele.

Os despachos da equipe serão feitos na feira, no Parque de Exposições Ney Braga, entre quinta-feira (11), quando acontece uma reunião de secretariado, e sexta-feira (12). É a segunda vez neste ano que a estrutura estadual é levada para o Interior. Em fevereiro, o governo foi transferido para Cascavel, no Oeste, durante a durante a realização do Show Rural.

Parceria- O prefeito de Londrina, Marcelo Belinati, disse que a inciativa do Estado é benéfica para a região Norte. “A presença do governo aqui é importante porque facilita a realização de bons projetos e boas ações em prol da qualidade de vida da população daqui”, disse. “As cidades dependem muito dessa parceria com o governo”, acrescentou.

Assembleia Legislativa – Pela primeira vez, a Assembleia Legislativa (ALEP) também se instalou na feira. “Junto com o Estado, estamos democratizando o governo, permitindo que o setor produtivo e as entidades representativas fiquem mais próximas”, disse o presidente da Assembleia Legislativa do Paraná, Ademar Traiano.

O vice-governador Darci Piana participou da solenidade, junto com toda a equipe do governo. Também participaram  o líder do governo na Assembleia, Hussein Bakri; os deputados estaduais Cobra Repórter, Tercilio Turini, Boca Aberta Júnior, Michele Caputo Neto, Luiz Cláudio Romanelli, Tiago Amaral, Artagao Júnior, Wilmar Reichembach, Alexandre Curi e Soldado Adriano José e o presidente da Sociedade Rural, Antônio Sampaio.


Governo reduz para 7% alíquota do ICMS sobre comercialização de peixes no 1º ato em Londrina

Como primeiro ato em Londrina, o governador Carlos Massa Ratinho Júnior assinou um decreto que prolonga a redução de 12% para 7% do ICMS na comercialização de peixes para cinco estados. A validade do decreto nº 8334, de novembro de 2017, expirava no próximo 30 de abril. Antes disso a alíquota era de 12% nas operações com os estados de Minas Gerais, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo e de 7% nas operações com os demais estados e Distrito Federal.

Foi o próprio setor de piscicultura que solicitou ao Estado as medidas para melhorar a competitividade do peixe paranaense diante da redução tributária praticada pelos estados do Mato Grosso e Goiás. Esses estados competem com o Paraná nos principais mercados consumidores do país e São Paulo é o destino de cerca de 80% da comercialização interestadual de pescado do Paraná. A redução contribui e auxilia os produtores paranaenses em relação aos mercados de outros estados.

CDF com ANPr. Foto: Geraldo Bubniak/ANPr

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s