Ação rápida de policiais militares salva bebê engasgado, de apenas 11 dias

cambedefato.com / 16 de maio de 2019.

A jornada do herói sempre começa com um chamado. Eram quase 16h00 quando a Central de Emergências do 7º Batalhão de Polícia Militar (7º BPM) em Cruzeiro do Oeste (PR), recebia um pedido de socorro: uma mãe que segurava o filho engasgado de apenas 11 dias. Desesperada, ela precisava de ajuda. Graças ao rápido atendimento da ocorrência, feito por três policiais na última quarta-feira (15), o recém-nascido foi salvo.

A ocorrência foi conduzida pelos soldados Leonardo Rodrigues Martinez, Sidney de Oliveira e Paulo Sérgio Evangelista de Souza, integrantes da equipe de Radiopatrulha do Batalhão.  No local do salvamento, mãe e familiares aguardavam aflitos o socorro à criança que, àquela altura, aparentava estar desacordada.

A primeira atitude de um dos policiais no local, logo que desceu da viatura, foi tomar o bebê dos braços da mãe e iniciar os procedimentos necessários em situações assim: manteve a calma e, com muita cautela, começou a realizar as manobras de desobstrução de vias aéreas.

O procedimento continuou dentro da viatura, isso porque foi decido que a criança precisava ser encaminhada ao hospital municipal. Em dado momento do percurso, o nascituro respondeu aos estímulos e, expelindo um líquido branco, voltou a respirar.

Na sequência, a criança foi atendida pela equipe médica do hospital municipal. Depois, passou por uma avaliação médica até ser liberada. Os Soldados Sidney, Evangelista e Leonardo, com seus gestos de bravura, salvaram uma vida.

CDF com Marcia Santos, jornalista da PMPR.

#7bpm #cruzeirodooeste #pmpr #salvandovidas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s