Batalhão de Fronteira (BPFron) da PM comemora sete anos com mais de 42 toneladas de drogas apreendidas

Em sete anos, o BPFron também apreendeu 204 kg de cocaína, 2,5 mil unidades de ecstasy, 162 kg de haxixe, 20 kg de skank, 3,5 milhões de pacotes de cigarros, 44 mil volumes de contrabando, 566 armas de fogo e mais de 28 mil munições.  

cambedefato.com / 07 de junho de 2019.

O Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) completou sete anos de existência na quinta-feira (06/06) com grandes resultados. O BPFron atua em 139 municípios da fronteira do estado, abrangendo 150 quilômetros de território e, desde 2012 até agora, já retirou de circulação quase 43 toneladas de drogas, 566 armas de fogo e mais de 28 mil munições. As ações levaram 3,4 mil pessoas a serem encaminhadas.

O BPFron é a primeira unidade policial de fronteira do Brasil e foi criado através do decreto-lei nº 4,905 de 6 de junho de 2012 e conta com três companhias, a sede que fica em Marechal Cândido Rondon, já a segunda e terceira ficam em Guaíra e em Santo Antônio do Sudoeste, respectivamente. A atuação da unidade abrange 139 municípios do Oeste e Sudoeste do Paraná.

O batalhão conta com três modalidades de policiamento, o Pelotão do Corpo de Operações de Busca e Repressão Aquática (COBRA) realiza policiamento embarcado em toda a região do lago de Itaipu (abrangendo 170 quilômetros de 16 municípios). A Rondas Ostensivas com Aplicação de Motocicleta (ROCAM) faz o patrulhamento terrestre e o Pelotão de Operações com Cães (POC) atua nas três companhias e no recobrimento de área.

Ao longo dos sete anos de atuação na fronteira do Paraná com o Paraguai e com a Argentina já foram apreendidas mais de 42 toneladas de maconha, mais de 204,119 quilos de cocaína, 20 quilos de Skank, 162 quilos de haxixe, 67 plantas de maconha e 2,580 unidades de ecstasy. Mais de 3,5 milhões de pacotes de cigarros contrabandeados foram retirados de circulação, 44,303 volumes de contrabando foram apreendidos e 86.619 medicamentos anabolizantes foram apreendidos.

As operações a ações integradas do BPFron com outros órgãos resultaram em mais de 500 mil abordagens a pessoas, e destas, 3.425 foram encaminhadas. O trabalho preventivo também auxilia na localização de pessoas que possuem pendências com a justiça. Desde 2012 o batalhão cumpriu 574 mandados de prisão.

O contrabando é uma das vertentes que mais exige a atuação dos policiais militares, em especial o comércio de cigarros. Em sete anos foram apreendidos 3,6 milhões de pacotes, número que se justifica pela alta lucratividade deste produto no mercado ilegal. Outros produtos como pneus automotivos, celulares e até alimentos engrossam a lista de produtos trazidos ilegalmente para o Brasil. Só o BPFron apreendeu 10.208 pneus, 407 rádios comunicadores, mais de 44 mil volumes de contrabando e 1,7 tonelada de alimentos.

Mais de 21 quilos de maconha foram tirados de circulação em uma única abordagem durante a Operação Muralha

Mais de 21 quilos de maconha foram apreendidos por policiais militares do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron), no âmbito da Operação Muralha. A ação aconteceu na madrugada desta sexta-feira (07/06) na cidade de Guaíra, no Oeste do estado, e resultou na prisão de dois homens.
Segundo informações do batalhão, os policiais abordaram um ônibus que fazia a rota de Mato Grosso do Sul para o Rio Grande do Sul e localizaram, no bagageiro, duas malas com 22 tabletes de maconha. Logo em seguida, as equipes identificaram os dois proprietários da droga, que após pesada totalizou 21,8 quilos.

Em três ações, 50 cigarros eletrônicos contrabandeados e três motocicletas são apreendidos

Policiais militares do Batalhão de Polícia de Fronteira (BPFron) apreenderam duas motocicletas e aproximadamente 50 cigarros elétricos. As ações aconteceram na quinta-feira (07/06) na cidade de São Miguel do Iguaçu, no Oeste do estado, no âmbito da Operação Muralha. Dois homens foram presos.
Segundo informações do batalhão, na primeira situação os policiais estavam em uma barreira de fiscalização, quando um homem abandonou um veículo e fugiu a pé. Ao verificarem a moto, os policiais constataram que se tratava de uma motocicleta de origem paraguaia. Diante dos fatos, foi encaminhada à Receita Federal.
Em outra situação, na BR 277, os policiais abordaram outra motocicleta, pois estava com a placa fora dos padrões do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Durante a abordagem foi constatado que o chassi estava adulterado. O motorista e o veículo foram encaminhados para as medidas cabíveis.
Por fim, 50 cigarros eletrônicos foram apreendidos por policiais militares do BPFron. A carga estava no baú de uma motocicleta que trafegava pela BR 277. Diante dos fatos, o veículo e a carga foram encaminhados à Receita Federal para os procedimentos cabíveis.

CDF com Marcia Santos, jornalista da PMPR. Fotos: BPFron.

#bpfron #drogas #contrabando #fronteira #pmpr #parana

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s