Bombeiros são chamados para conter pequeno incêndio na margem da linha férrea em Cambé

cambedefato.com / 11 de agosto de 2019.

Os Bombeiros de Cambé estiveram na área do entorno da antiga Estação Ferroviária de Cambé, próximo à Trincheira da Rua Curitiba, para apagar um foco de incêndio ambiental por volta das 20h00 deste domingo (11).

Segundo informações exclusivas do cambedefato.com, este não foi o único foco de incêndio ambiental deste domingo. Na mesma margem de ferrovia, algumas centenas de metros adiante, também houve outro foco de incêndio horas antes.

Segundo os bombeiros envolvidos no trabalho de conter as chamas, nesta época do ano é bastante comum o surgimento de focos de incêndio ambiental, em terrenos vazios, margens de rodovias e ferrovias, que concentram muita vegetação seca, por conta da estiagem. “Às vezes somos chamados várias vezes ao dia”, disse um dos soldados do fogo ao cambedefato.com.

A informação é confirmada pelo Corpo de Bombeiros do Paraná. Segundo o site da corporação, esta época do ano por conta da seca, é mais propensa ao risco de incêndio ambiental ou florestal. Para os bombeiros, “a principal causa desses incêndios são as queimadas criminosas e o descarte de cigarros acesos ao longo de rodovias, estradas ou áreas públicas”.  

Mas também há pessoas que colocam fogo com a intenção de “limpar o lugar” ou “acabar com o mato ou folhas secas”, comportamento criminoso que traz prejuízo ao meio ambiente e pode ter sérias consequências, além de prejudicar quem mora próximo, por conta da fumaça produzida no incêndio e no combate às chamas.

Importante ressaltar que colocar fogo em área aberta é crime ambiental, previsto na Lei de Crimes Ambientais (Lei nº 9.605 de 1998), que diz é crime causar poluição, de qualquer natureza, em níveis tais que resultem ou possam resultar em danos à saúde humana, ou que provoquem a mortandade de animais ou a destruição significativa da flora”.

A pena prevista é de seis meses a um ano de prisão e multa. Da mesma forma, provocar a queima, por ato de vandalismo ou com finalidade econômica, gerando poluição, também é crime.

Além disso, colocar fogo na mata ou em folhas, provocando um pequeno incêndio ambiental, pode causar a falta de atendimento da população, pois o número de bombeiros em cada cidade é restrito. Ou seja, enquanto os bombeiros estão apagando um foco de incêndio de área aberta, como foi a situação desta noite em Cambé, podem deixar de atender outro incêndio ou mesmo outra situação de emergência.  

Em caso de emergências com incêndios, ligue 193. Em caso de incêndios criminosos, denuncie para a Polícia Militar, pelo fone 190.

Redação CDF. Fotos: cambedefato.com

#cambedefato #incendioambiental #bombeiros #cbp #cambe #ferrovia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s